FSP RECEBE ACADÊMICA QUE AOS 64 ANOS VAI CURSAR DIREITO

athenas Direito, Institucional

Na última segunda-feira (17), foi promovido pela instituição, a Recepção dos Calouros de 2020.1, para receber os novos acadêmicos que acabaram de dar um dos passos mais importante de suas vidas, caminhando em direção a realização do sucesso profissional. Luciana de Brito, 64 anos de idade, é uma das acadêmicas calouras do curso de direito na Faculdade de São Paulo (FSP).

“Sou aposentada, mas fui escrivã da polícia civil, tenho três filhos sendo que um já é falecido e três netos. Eu moro a 13 anos em um sítio a 4 km da cidade de Parecis e venho todos os dias de ônibus, conclui o meu ensino médio no ano de 1984, não fiz uma graduação antes, pois tinha a prioridade de formar os meus filhos e netos para depois realizar o meu sonho, em 2016 ganhei uma bolsa do Prouni para o curso de direito na UNIC/MT porem naquele momento não consegui estudar. Consegui realizá-lo este ano aqui na FSP e Fiz a minha matrícula bem no dia do meu aniversário. ” Contou a acadêmica, Luciana de Brito.

Com o primeiro passo para a realização de seu sonho a discente Luciane ainda expressa que se sente como criança. “Eu ainda estou como uma criança quando ganha uma bala, sem acreditar e me sinto a vovó da faculdade em meio a garotada. Eu acho muito importante que todos tenham um sonho de cursar o ensino superior e que tudo tem o tempo certo e o meu foi aos 64 anos e também acho que ninguém tem o direito de desistir dos seus sonhos, o ensino é algo que ninguém tira, eu quero estar na minha formatura nem que seja de bengalinha”.


Sendo uma fonte de inspiração por estar em sala de aula com essa idade, o caso ganhou fama e muitas pessoas se sensibilizaram, uma das suas colegas de sala de aula comentou também sobre o caso em seu Instagram.

A caloura, Daiane Alnert, comentou. “Dona Luciana de Brito, 64 anos, Escrivã da Policia Civil, aposentada, iniciou o curso de Direito hoje. Um grande incentivo a nós jovens. Nuca é tarde demais para ser aquilo que você sempre desejou ser…”. Comentou a discente e colega de sala.


“Quando soube que teríamos uma aluna com 64 anos de idade me senti honrada, pois a Sra. Lucina tem uma bagagem jurídica enorme, trabalhou por anos na Polícia Civil e sabe na prática como funciona a lei. Pessoas como a Lucina nos mostram que não devemos desistir dos nossos sonhos, que não importa a idade, distância e até mesmo o tempo, só precisamos de força de vontade para torná-los realidade. Isso nos motiva de alguma forma a não desistir, não importando as circunstâncias. ” Expressou a coordenadora do curso de Direito, Suéli Balninot.

Faça parte você também de nossas histórias e conheça o curso de direito da FSP

Alcance voos mais altos!


Siga a gente em nossas redes sociais: