FSP participa da 8ª RONDÔNIA RURAL SHOW

athenas Administração, Ciências Contábeis, Engenharia Ambiental, Institucional

Os acadêmicos da Faculdade São Paulo de Administração do 6º e 7º período, Contábeis 1º, 2º e 3º períodos e Engenharia Ambiental 6º e 7º períodos, acompanhados dos docentes Professora Especialista Daiane Renata da S. Barbosa e Professor Especialista João, marcaram presença na 8ª Rondônia Rural Show, a maior feira de agronegócios da Região Norte, que acontece no município de Ji-Paraná, de 22 a 25 de maio.

Acompanhados pelos professores da instituição, os alunos estiveram na festa no dia 24 e visitaram vários dos mais de 500 expositores da feira, inclusive o stand internacional que teve a participação de diversos países como Estados Unidos, China e Egito.

A Rondônia Rural Show é caracterizada como feira de tecnologia e oportunidades dos negócios voltados ao agronegócio do Estado, realizada anualmente pelo Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), no município de Ji-Paraná, cidade no centro do Estado, o que privilegia o acesso e a logística para a realização do evento. Em 2018 a feira movimentou mais de R$ 500 milhões de reais e esse ano ultrapassou os R$ 700 milhões.

Na feira, os acadêmicos tiveram a oportunidade de conhecer vários empreendedores da região, com os diversos tipos de produtos, como: café torrado e moído para o consumidor final, produtores de bebidas típicas, iogurte natural, produtores de mel, cosméticos naturais entre outros.

Também visitaram o stand do Sebrae, que estava repleto de inovação, inclusive com uma sala de realidade virtual; e startups que promovem melhorias nas produtividades do leite, peixe e café.

Através da experiência da visita técnica, os nossos alunos conheceram a área de gestão de pequenos e grandes produtores.

Segundo a Profa. Daiane Renata, “a feira é um dos eventos mais importantes hoje dentro do Estado de Rondônia, para os acadêmicos de diversas áreas. A mesma é aberta ao público geral, e gratuita aos que querem ir para assistir palestras, Workshops, visitar estandes de diversos seguimentos, desde alimentação a maquinário de grande porte; e isso faz com que o acadêmico tenha uma dimensão do que se trata o agronegócio, o quanto ele é importante para o desenvolvimento da região”